FacebookPixel
Voltar \ StartUP VISA

StartUP VISA

26 ago 2021
StartUP VISA
StartUP VISA - Portugal acolhe investidores estrangeiros Desde 2018 que o programa StartUP Visa é porta de entrada para a captação de empreendedores das estrangeiros da àrea das novas tecnologias para Portugal.
Com o intuito de apoiar e promover o empreendedorismo em Portugal, o Despacho normativo n.º 4/2018 de 2/02, o «Startup Visa» – tem vindo a captar empreendedores estrangeiros com vontade de desenvolver projetos de empreendedorismo e/ou inovação em Portugal.

Esta medida permite a obtenção de visto de residência ou autorização de residência para estes investidores, tendo como requisitos, a intenção de desenvolver o seu projeto empreendedor no território luso, que ainda não tenham constituído empresa; ou, empreendedores que já detenham projetos empresariais nos seus países de origem, mas que queiram exercer e expandir a sua atividade no nosso país.

Esta medida tem vindo a captar talento internacional, assim como novas formas de pensar e agir, contribuindo para o aumento de estrangeiros a viver em Portugal.

A medida deve-se muito à realização do maior evento sobre tecnologias, Websummit, estar sediado em Portugal durante os próximos anos. Criou uma enorme apetência a quem nos visitava em ficar a trabalhar e viver por cá.  Tudo graças à qualidade de vida que o nosso país proporciona a todos os que o descobrem.

Este programa português, para além de inovador a nível europeu, está a fazer com que a vinda destes investidores criem impulso económico em Portugal: com mais arrendamento e/ou compra de imóveis, criação de postos de trabalho, inovação, divulgação de Portugal no estrangeiro, entre outros benefícios.

O primeiro passo para ter acesso ao “Startup Visa” e obter uma autorização de residência e trabalho, será celebrar um contrato de incubação, com uma incubadora certificada (ver site www.iapmei.pt).

 A certificação de incubadoras tem como objetivo assegurar que estas entidades estão aptas a acolher cidadãos de Estados terceiros, conforme definido na Portaria n.º 344/2017, de 13 de novembro, alterada pela Portaria n.º 275/2018, de 04 de outubro, sendo o IAPMEI responsável pela análise, seleção e certificação das candidaturas, bem como pelo acompanhamento da execução do programa.

As StartUp’s deverão demonstrar cumulativamente:
• Querer desenvolver atividades empresariais de produção de bens e serviços inovadores;
• Que irão abrir ou deslocalizar empresas e/ou projetos centrados em tecnologia e em conhecimento, com perspetiva de desenvolvimento de produtos inovadores;
• Que têm potencial para criarem emprego qualificado;
• Que têm potencial para atingir, 3 anos após o período de incubação um valor de 325.000€, ou um volume de negócios superior a 500.000 €/ano.

A avaliação do seu potencial económico e inovador tem por base critérios, que vão desde o grau de inovação, escalabilidade do negócio e potencial de mercado, às possibilidades de criação de emprego em Portugal.

The Golden Phoenix pode ajudar os interessados na procura de casa ou local para estabelecer a sua empresa. Não hesite em consultar-nos.
 
Veja Também